quinta-feira, 20 de fevereiro de 2020

SOBBREVIVER 10 ANOS - EPISÓDIO 21


Turnê SoBBreviver
Buscando visibilidade para o Bodyboarding
Por: Elmo Ramos / Ride It! (texto originalmente publicado na revista Ride It! #29 - 2006) 
Fotos: Arquivo SoBBreviver / Elmo Ramos - Ride It! / Sandro Lyrio
Para cumprir nossa missão com 100% de aproveitamento, idealizamos um projeto completo, que consiste em percorrer de volta o mesmo roteiro feito durante as filmagens, exibindo o documentário nas principais capitais do país. 
Exibiremos em cinemas, universidades, auditórios, centros culturais e aonde quer que tenha uma estrutura mínima, com telão, som e cadeiras, agindo de forma beneficente, cobrando como entrada um kilo de alimento não perecível para ser doado a entidades carentes de cada local.
Também visitamos a Europa durante a perna européia do Circuito Mundial, onde além de registar a cultura local de Portugal, Espanha e Ilhas Canárias, também exibimos o trailer, recebendo muito elogios e salvas de palmas. Os gringos também serão agraciados com a Turnê SoBBreviver, onde somos esperados com muita festa.

O Brasil e o nosso bodyboarding são muito bem vistos lá fora e ainda mais nossa cultura e nossa música. O documentário foi todo legendado em inglês e português possibilitando a transmissão da mensagem tanto a estrangeiros quanto aos portadores de necessidades especiais.


Aproveitamos para revisitar os veículos de imprensa pelos quais passamos durante as filmagens, assim divulgando as exibições e convocando não só os bodyboarders, como também suas famílias e a comunidade em geral. 


Em cada exibição faremos sessões de autógrafos com os atletas locais, com sorteios de brindes dos patrocinadores e distribuição de posters e revistas.


Durante a turnê, aproveitamos para filmar o próximo documentário com um roteiro mais abrangente e diferenciado, sem data para lançamento e com nome ainda em sigilo.


Mais informações nos sites: www.rideitbb.com e www.sobbreviver.com e fiquem ligados no programa Zona de Impacto da SporTV.

sexta-feira, 7 de fevereiro de 2020

Sobre a vida

por Elmo Ramos - Editor chefe revista Ride It!

Texto originalmente publicado na revista Ride It! #29 - 2006 

Sobre a vida... (About life...)

Sobreviver: Instinto básico de todo ser humano. Ou como diz o Aurélio: 1. Continuar a viver, a existir, após outras pessoas ou outras coisas. 2. Escapar, resistir; superar.


Quando saiu o trailer do filme, em meados de junho de 2005, muito se comentou a respeito do nome do documentário. Alguns pensaram que o nome SoBBreviver tinha uma carga negativa, por parecer falar de um esporte de campeões no Brasil como se fosse medíocre, fraco e triste.

Pelo contrário, quisemos estimular o público a usar a cabeça e desenvolver seu ponto de vista após assistir aos 11 minutos do SoBBreviver. Fomos irreverentes? Sim! Como não ser irreverente ao se tratar do Bodyboarding em nosso país? Mas também fomos inteligentes, com a sacada de um nome que 9 entre 10 bodyboarders já conhecem e sabem do que estamos falando.

Chamamos a atenção da maior mídia do esporte brasileiro, a SPORTV, que nos entrevistou durante as filmagens em Noronha em pleno campeonato mundial de Surf e ficaram surpresos com a audácia de nosso projeto.


Essa entrevista foi repetida dezenas de vezes durante o ano e fomos convocados para mais duas entrevistas para falar mais do primeiro documentário do Bodyboarding Mundial.

Focamos o roteiro de forma tão original quanto o nome, combinando na edição primorosa de David Pimentel, da Resistência Filmes, a brasilidade e o suingue da música de nossa terra, com a cultura, turismo e costumes de cada região.

O ponto alto do documentário é o filme todo, mas você pode passear pelo litoral de nosso país continente escolhendo o estado de sua preferência, se for capaz de sair da frente da tv, ou de parar de dançar e cantarolar a trilha sonora, que vai de Nação Zumbi, Cordel do Fogo Encantado, Ponto de Equilíbrio, Black Alien, B Negão, entre outras bandas que se encaixam como uma luva em cada sessão.

A banda curitibana Real Coletivo Dub, compôs a música tema do filme e outras que estão espalhadas em trechos em que se destacam pela originalidade de suas letras.


- Nome, idade, quanto tempo pratica o esporte e o que é o Bodyboarding pra você? Foi com essas perguntas que abrimos nossas entrevistas e nos surpreendemos com os mais variados depoimentos. Cada resposta levava uma emoção, um desabafo, um apelo, uma paixão, um agradecimento, uma devoção quase que religiosa pela pranchinha.

Depoimentos cheios de vida, sotaques, olhares, trejeitos, risadas, inocência, coragem e respeito estão por toda parte, entre cenas de paisagens deslumbrantes, imagens subaquáticas, fauna, flora e toda natureza de nosso país continente. E é claro, muito Bodyboarding com os melhores atletas do Brasil, conhecidos ou não, até então pela grande maioria, que mostram seu talento no seu local de origem.

Essa interação foi um dos motivos que nos fez viajar ao longo de mais de 15 mil kilômetros, de ônibus, barco e avião, com nossos próprios recursos. De que forma os bodyboarders do sul do país poderiam conhecer os bodyboarders do nordeste, por exemplo? E como conhecer tantas praias e picos interessantes sem nem saber que eles existiam?

Assista o documentário SoBBreviver e conheça tudo e mais um pouco. Tire suas próprias conclusões, prepare suas malas e viva!

Guiness BBook

Guiness BBook, com 2 B's de Bodyboarding! 

Em um presente de Natal antecipado, alguns dias épicos para o Bodyboarding na capital do Paraná.

Por: Elmo Ramos / Ride It! (dezembro 2005) 
Fotos: Elmo Ramos, Fernanda Araújo, Gustavo Vanderley e Fábio Malewschik
O Paraná é um dos estados que mais respira Bodyboarding no Brasil, e Curitiba sua capital, é a atual sede onde vem sendo produzido o documentário SoBBreviver, junto à parceira Resistência Filmes, conceituada produtora local.
Fomos convidados pela produção do evento Plug! Eletro Acústico, da Rede Globo para apresentarmos o trailer do SoBBreviver durante os intervalos dos shows, que rolaram no sábado, com o melhor do reggae, incluindo Andrew Tosh, Planta e Raiz, Natiruts e Tribo de Jah, o dia que mais bombou a Pedreira Paulo Leminski com mais de 20 mil pessoas lotando o pico. Ainda teve o domingo com Nação Zumbi, Marcelo D2, Engenheiros do Hawaii e Pitty, bombando o ultimo dia do festival que agitou os curitibanos.
De longe foi a maior exibição de um filme de Bodyboarding na história do esporte mundial, nunca antes havia sido exposto um áudio-visual para tantas pessoas, que dançavam ao som das músicas do trailer e vibravam com as cenas, paisagens e depoimentos dos principais atletas da atualidade.
Foram 4 exibições do trailer de 11 minutos em 2 mega-telões de 15 x 20m, mais os clips curtos divulgando o lançamento do documentário e a primeira entrevista concedida por nós ao Sportv em março deste ano, que gerou muita repercussão em cadeia nacional.
Foi um presente de Natal para o Bodyboarding, que alcança cada vez mais visibilidade e cresce com maturidade a olhos vistos, graças a trabalhos como este, feito com muito empenho e dedicação, um carinho especial ao esporte que nos formou e forma novos adeptos ao longo de pouco mais de duas décadas.
Obrigado Senhor pelas oportunidades que nos são concedidas e aos nossos parceiros por acreditarem em nosso trabalho, que sem dúvidas vai ser o grande divisor de águas da história do esporte.

Na segunda quinzena de Abril, o documentário sai junto com a edição 29 da revista Ride It! e começa a Turnê SoBBreviver...

SoBBreviver, quem viver, verá!

Agradecimentos a Helinho Pimentel e toda a família que acreditaram em nosso material e nos deram a oportunidade de mostrar nosso trabalho.

Surf & Beach Show - 2005

Documentário de Bodyboarding é pré-lançado na Feira.
(outubro 2005) 

Buscando mostrar a realidade do Bodyboarding brasileiro, trailer do documentário SoBBreviver 
é apresentado na Feira Surf Beach & Show, como uma das atrações da 
BBBA - Bodyboarding Bussiness Area.

SOBBREVIVER mostra o esporte através de um formato diferenciado, com depoimentos de alguns dos principais atletas em praticamente todos os estados do litoral brasileiro onde é praticado o Bodyboarding. Isso tudo, é claro, sem dispensar as sessões de ação com imagens em ângulos privilegiados tanto dentro quanto fora d`agua.
Com uma abordagem diferenciada sobre a vida de alguns dos principais bodyboarders brasileiros e como fazem para atualmente sobreviver do seu esporte favorito. Após a explosão nos anos 80, o esporte passa por uma fase de reestruturação principalmente com a criação de marcas voltadas ao púlico de Bodyboarding.

“Há dois anos já estávamos coletando imagens e depoimentos no sul e sudeste do país (Santa Catarina, Paraná, São Paulo e Rio de Janeiro) e no final do ano passado após uma parceria firmada com a única revista especializada em Bodyboarding da América do Sul, a RIDE IT!, conseguimos percorrer grande parte do litoral desse nosso país-continente .” Afirma David Pimentel, produtor da Resistência Filmes.
No início de 2005 passou 3 meses viajando pelo litoral sudeste e nordeste na companhia de Elmo Ramos, editor chefe da revista, documentando não somente o esporte, como também o dia a dia dos atletas, cultura e costumes nos seguintes estados: Espírito Santo, Bahia, Sergipe, Alagoas, Pernambuco e Rio Grande do Norte, sendo o principal foco e destino da viagem o arquipélago de Fernando de Noronha, no qual passamos 26 dias. Além das imagens já coletadas de Santa Catarina, Paraná, São Paulo e Rio de Janeiro.

Já começado o processo de seleção de imagens para dar início a edição, os produtores continuam aguardando a chegada dos materiais de parceiros e colaboradores para enriquecer ainda mais o conteúdo.

“ Viajar pelo litoral brasileiro no verão não é uma trip 100% certa de ter altas ondas, então fomos na sorte, contando com a ajuda da Natureza. Passamos por picos incríveis, visitamos amigos, fizemos novas amizades, conhecemos a cultura de cada lugar, interagindo com as diversas tribos que falam a mesma lingua: Bodyboarding! “ Vibra Elmo Ramos, editor-chefe da Ride It!.
As surpresas do filme, segundo os produtores, ficam por conta da edição, num formato inovador e original, juntamente com as manobras fantásticas dos super-heróis brasileiros, que fazem um espetáculo em qualquer condição de onda.

O DVD promete ainda faixas bônus divertidas e inusitadas, cenas engraçadas do backstage e um especial com ondas que povoam os sonhos de todo bodyboarder.

O filme tem previsão de lançamento para Abril de 2006 juntamente com uma edição especial da revista Ride It!.

obs: imagens da feira de 2005 podem ser vistas no episódio de São Paulo do documentário. As fotos que ilustram essa matéria foram tiradas na edição seguinte da feira, no ano de 2006 durante a turnê de exibição e divulgação do filme.

Pré Estréia - 2006

Pré-Estréia SoBBreviver!

No dia da mentira, quem acreditou,viu!

Por Elmo Ramos - Editor Chefe Ride It! (abril 2006)


Aconteceu sábado dia 1°, a Pré Estréia do documentário SoBBreviver, na sede da Soul em Curitiba, Paraná.
O pico estava cheio de amigos, familiares, colaboradores, músicos, artistas, fotógrafos, bodyboarders e imprensa local, todos acreditando que assistiriam em primeira mão o filme mais esperado dos últimos tempos, apesar do clima de piada que ronda o dia 1° de Abril, o Dia da Mentira.
O clima estava muito alto astral, com um coquetel rolando a partir das 8 da noite, sinuca pra descontrair, boa música e bate-papo, até que os produtores Elmo Ramos e David Pimentel fizeram uma pequena apresentação e apertaram o play do dvd, iniciando um marco na história do esporte, com a primeira amostra do SoBBreviver. 
Ao longo de 2 horas de exibição, o público não desgrudou os olhos do telão e vibravam com as músicas da trilha sonora, com grande representatividade das bandas locais, que ganham destaque e divulgação através do filme. Ao final das palmas, os comentários foram muito agradáveis, muitas críticas positivas e satisfação geral.
"Finalizamos mais uma etapa do projeto SoBBreviver, e mais uma nova fase começa a partir de hoje, com as exibições feitas durante a Turnê SoBBreviver pelo Brasil afora. Não vejo a hora de começar logo essa viajem e pegar onda! E também rever os amigos que fizemos durante as filmagens, além de continuar captando imagens para nosso próximo projeto.
Estamos conscientes da carga que estamos lidando e temos muito prazer em trabalhar para o desenvolvimento do nosso esporte." comemora David Pimentel, curitibano e editor do primeiro documentário de Bodyboarding da história do esporte mundial. 
Logo após a exibição rolou o show do RCD - Real Coletivo Dub e convidados, botando todo mundo pra dançar e cantar as músicas da trilha sonora do SoBBreviver, que diga-se de passagem atendeu a todos os gostos com 95% das músicas de bandas nacionais, representando regionalmente cada estado por onde o filme conduz o espectador.
"Esse é o nosso primeiro trabalho com um audio-visual, onde pudemos colocar nossa arte, com um formato inovador, visando agradar a cada um da forma que gostaríamos de assistir a um filme com quase 2 horas de duração.
Montamos um clip para cada estado, priorizando um passeio, tanto na parte turística, mostrando altos visuais, tomadas aquáticas, depoimentos dos melhores bodyboarders da atualidade e muita ação dentro dágua. Essa fórmula faz com que o filme fique super agradável, interessante e ao mesmo tempo interativo e reflexivo." explicando o sucesso do documentário, o baiano Elmo Ramos, também produtor da obra.
As bandas que tiveram a oportunidade de mostrar seu trabalho, foram selecionadas de acordo com aspectos de cada região, tendo como base o som da atualidade, sem ter compromisso com o pop e abrindo espaço para manifestações do cotidiano. Isso tudo se funde numa colcha de retalhos", que é o processo de edição em cima do roteiro. 
David Pimentel, bodyboarder há mais de 10 anos ,é um amante do esporte e isso foi ponto imprescindível para que os clips de cada estado tivessem a mesma linha, mesmo sendo diferentes, pois o filme todo é como um dia de altas ondas, com esquerdas e direitas tubulares, séries bombando a todo tempo, com tempo para respirar entre um sessão e outra.
Realizados, os produtores comemoram: "Tivemos a preocupação com a qualidade das imagens, seguindo um padrão de luz, imagens com muito sol e céu azul, paisagens deslumbrantes e perfeita fotografia. Com isso ganhamos o interesse de outros públicos, como os pais dos bodyboarders, que torna o clima do filme bastante familiar, chamando atenção de diversas faixas etárias, deixando claro que conseguimos realizar nosso objetivo."
Agora é só aguardar as informações da Turnê SoBBreviver e conferir de perto essa grande produção nacional, feita por bodyboarders para que todo o público conheça melhor a realidade desse grande esporte.